Franquias Sociais: Conheça um modelo de gestão que multiplica boas ações   

Planejamento, metas, resultados, são termos comuns no mundo dos negócios. Saber como executar e cumprir cada requisito é o desafio diário de executivos e empresários. Mas, o que tudo isso tem a ver com o terceiro setor? Por que falar de negócios se o intuito é promover ações sociais? Acredite! Esses conceitos se relacionam mais do que você imagina. Seguindo o modelo de franchising , as franquias sociais visam a sustentabilidade e a expansão dos projetos sociais. A ideia é compartilhar os conhecimentos em negócios para as ações de uma organização sem fins lucrativos.

O que são franquias sociais?

O que são franquias sociais?

O que são franquias sociais?

Boas ideias devem ser compartilhadas.  Expandir a atuação de projetos sociais e pensar em formas de atender um maior números de pessoas são alguns dos fatores que motivaram a criação de franquias sociais.

As organizações não visam a lucratividade, elas buscam o crescimento e a sustentabilidade das ações. O modelo assemelha-se ao de franquias na relação entre franqueador e parceiros. A empresa que encabeça o projeto social é a franqueadora.  Será ela a responsável pelo apoio em treinamentos e divulgação dos parceiros.

Apesar de controverso, as franquias sociais não têm uma legislação própria, elas seguem as leis das franquias (Lei 8.955/94) para assegurar os direitos e deveres entre franqueador e franqueado. No entanto, ela substitui o conceito de lucro pela socialização de resultados. Esse modelo assegura que o crescimento estruturado de projetos sociais.

Conheça o trabalho de 04 franquias sociais

As franquias sociais podem atuar em diversos segmentos, desde cuidados com o meio ambiente até a assistência a grupos em situações de vulnerabilidade social. A regra aqui é ajudar a construir um mundo melhor. Separamos algumas instituições que aderiram a esse.

Formare  

Pioneiro no segmento de franquias sociais, o programa investe na formação profissional de jovens de famílias em situação de vulnerabilidade social.  Ele foi desenvolvido pela Fundação Iochpe , uma organização sem fins lucrativos,  qualificada como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público). Criada em 1989,  a instituição  se dedica a apoiar profissionais e empresas em ações de investimento social.

Na Fundação Iochpe, a prioridade é a educação de crianças e adolescentes. Suas ações já beneficiaram mais de cento e vinte mil pessoas em todo o Brasil.

COLMEIA 

Colmeia – Instituição a Serviço da Juventude

Fundada em 1942, a Colmeia – Instituição a Serviço da Juventude – presta serviços  de Assistência Social e promove atividades educacionais, culturais e desportivas focados no desenvolvimento de crianças, adolescentes e jovens. A instituição é reconhecida por promover realização pessoal e social. Os seus trabalhos auxiliam também na qualificação profissional dos assistidos.

Qualificação Profissional, Grêmio Colmeia e Jovem Aprendiz são os programas oferecidos pela insituição.  Eles oferecem aos assistidos educação complementar e cursos que capacitam os indivíduos para o primeiro emprego. O programa disponibiliza desde aulas que favorecem o desenvolvimento sócio-cultural até atividades que qualificam profissionalmente jovens e adolescentes.

Projeto Pescar

Trata-se de um programa de formação socioprofissionalizante desenvolvido pela Fundação Projeto Pescar, que atende jovens com idades entre 16 e 19 anos em situação de vulnerabilidade social. O intuito é introduzi-los ao mercado de trabalho.

O Programa Social divide-se entre Eixos Tecnológicos; Concepção e Educativa e Formação em Rede. Toda a programação de ações da instituição é direcionada para o desenvolvimento e capacitação de jovens com baixa renda. São oferecidos ainda encontros periódicos que favorecem a troca de informação entre profissionais garantindo a sistematização de conteúdos e materiais , e  acompanhamento  dos indivíduos assistidos.

CVV- Centro de Valorização a Vida

A principal iniciativa do Centro de Valorização a Vida é o Programa de Apoio Emocional. O serviço de atendimento gratuito presta apoio emocional e prevenção ao suicídio para todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo e anonimato.