Conheça o projeto Flor Gentil

Você já parou para pensar na quantidade de arranjos de flores que são jogados fora após a realização de eventos como confraternizações, casamentos e aniversários? Muitas flores são dispensadas ainda em bom estado, quando ainda têm condições de levar alegria para outras pessoas.

Foi pensando nisso que surgiu o projeto Flor Gentil, que procura estender a vida útil das flores descartadas ao distribuí-las para pessoas que precisam de afeto e atenção. De maneira simples e sustentável, o Flor Gentil faz a diferença por onde passa, transformando os dias das pessoas. Saiba mais a respeito desse projeto tão colorido a seguir!

A história por trás do Flor Gentil

O projeto foi fundado em 2010 pela florista Helena Lunardelli, autora dos livros “Cidade das Flores” e “Pequenos Arranjos do Cotidiano”. O Projeto se tornou Instituto no ano de 2012. Em 2016, Helena passou a direção para Cecília Maia, que ingressou no Flor Gentil em 2013. Helena faz parte atualmente do conselho da instituição.

Projeto Flor Gentil

Projeto Flor Gentil

O instituto Flor Gentil utiliza os materiais descartados após a realização de eventos na cidade de São Paulo e através deles monta novos arranjos, que são entregues para pessoas de baixa renda e em casas de repouso e instituições assistenciais.

O recolhimento das flores é feito nos galpões de decoradores parceiros do instituto. A etapa seguinte envolve a triagem do material recebido e a confecção dos novos arranjos. Por fim, é realizada a entrega nas instituições cadastradas no projeto. Do início ao fim, todo o trabalho é feito por voluntários do instituto Flor Gentil.

O Fundo Gentil

Além das doações realizadas pelo instituto para as instituições cadastradas, há também uma vertente do projeto, intitulada Fundo Gentil. Ela é responsável por produzir arranjos sob medidas para eventos que não têm condições de arcar com os custos de decoração.

Entre as cerimônias beneficiadas pelas doações de arranjos estão casamentos comunitários, a decoração da capela da Santa Casa e Hospital Universitário da USP e demais eventos diversos, como os da Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (ABEM), do Hospital das Clínicas, da AACD, entre outros.

A logística

O Instituto Flor Gentil assiste atualmente 34 casas de repouso cadastradas, contando tanto com instituições mantidas pelo poder público quanto pelo poder privado.

A iniciativa cativa a todos

A iniciativa cativa a todos

Como o redirecionamento dos arranjos e flores dependem das doações realizadas pelos seus parceiros, a periodicidade das entregas ainda não segue um padrão exato. No entanto, são realizadas ao menos uma visita por mês em cada uma das instituições.  

A sede do Instituto Flor Gentil fica localizada na Vila Madalena, em São Paulo. Até o momento não é possível realizar entregas em outras cidades, devido às limitações do projeto referentes à logística.

Ficou inspirado e quer ajudar? Há diversas formas de contribuir com o projeto. Você pode ajudar doando quantias em dinheiro, flores ou, ainda, sendo um voluntário ou patrocinador. É possível também fazer doações dos materiais utilizados na confecção dos arranjos, tais como sacos de lixo, copos e luvas descartáveis e tesouras para poda.

Para mais informações, acesse o site do Instituto ou entre em contato através do e-mail voluntariado@florgentil.com.br.