Ajuda Humanitária: 5 ONGs que Você Deveria Conhecer

O conceito de ajuda humanitária engloba a assistência material, logística, moral e legal prestada em casos nos quais há a necessidade de conforto social humanitário. Seu principal objetivo é aliviar o sofrimento de comunidades atingidas por desastres naturais ou provocados pelo homem.

As principais atuações desse tipo de ajuda envolvem o salvamento de vidas, a manutenção da dignidade humana e a minimização de desastres secundários. Está, portanto, diretamente relacionada com a manutenção dos direitos humanos.

Algumas organizações não governamentais alcançam resultados exemplares atuando com a ajuda humanitária. Conheça a seguir 5 delas que obtiveram destaque com suas ações!

Comitê Internacional da Cruz Vermelha

Foi fundada em 1863 na Suíça, com o nome original de Comitê Internacional Para Ajuda Aos Militares Feridos. Como seu primeiro título diz, a instituição foi criada inicialmente com o propósito de dar assistência aos prisioneiros de guerra.

Comitê Internacional da Cruz Vermelha

Comitê Internacional da Cruz Vermelha

Em 1876 teve seu nome alterado para Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), que se mantém até hoje. Atualmente atua também em prol da proteção de detidos civis em situações de guerra, em nações que violem os estatutos de direitos humanos, e em assistência a vítimas de desastres naturais, especialmente em países com carência de recursos.

Já ganhou três prêmios Nobel da Paz (em 1917, 1944 e 1963) e também o Prémio Balzan para a Humanidade, da Paz e da Fraternidade Entre os Povos, de 1996.

Médicos Sem Fronteiras

A organização Médicos Sem Fronteiras (MSF) foi fundada em 1971 por um grupo de médicos e jornalistas franceses que atuou em parceria com a Cruz Vermelha em uma ação específica. A instituição oferece ajuda médica e humanitária a populações em situações de emergência, como em casos de conflitos armados, epidemias, exclusão social, entre outros.

Médicos Sem Fronteiras

Médicos Sem Fronteiras

O MSF foi criado a partir da ideia de que todas as pessoas têm o direito a tratamento médico, independente de qual seja a sua nacionalidade. Sua primeira intervenção aconteceu no ano seguinte a sua fundação, após um terremoto que devastou a Nicarágua.

É atualmente a maior ONG de ajuda humanitária no mundo atuante na área da saúde, tendo ganho o Nobel da Paz em 1999 como reconhecimento à importância dos serviços prestados.

Hoje é composta por mais de 36 mil profissionais de diferentes áreas e nacionalidades que desempenham atividades em mais de 70 países.

CARE

Essa instituição nasceu em 1945 a partir da junção de 22 organizações norte-americanas. Seu nome advém do termo “Care Packages”, pacotes compostos por alimentos e outros bens essenciais enviados por essas organizações para auxílio e apoio em prol dos sobreviventes da 2ª Guerra Mundial.

CARE

CARE

Em 2010, seus programas de combate à pobreza atingiram 810 milhões de pessoas em 87 países. Atualmente é uma confederação internacional composta por 14 organizações, atuando em 94 países e tem como missão salvar vidas, erradicar a pobreza e alcançar justiça social.

Seu atuação principal tem como foco a assistência para meninas e mulheres. Além de estar mais vulnerável aos problemas consequentes da pobreza, a CARE também acredita que a capacitação da população feminina é o principal caminho para que famílias inteiras consigam sair de situações de miséria.

Save the Children

Essa instituição foi criada em Londres, em 1919, com o intuito de ajudar crianças em áreas devastadas pela 1ª Guerra Mundial. Atualmente, a Save the Children está presente em 120 países.

Save The Children

Save The Children

Seu principal objetivo é defender os direitos das crianças e contribuir de forma que possam desenvolver seu potencial. Dessa forma, a educação e a saúde são algumas das principais áreas que recebem a atenção da instituição, que apoia programas educacionais e contribui com programas focados na questão da acessibilidade a alimentos.

BRAC

Com sede em Bangladesh, a BRAC foi criada para ajudar as vítimas do tufão ocorrido em 1970. Seu foco principal é combater a pobreza, e estima-se que já tenha conseguido ajudar mais de 150 milhões de pessoas entre a Ásia e Europa.

BRAC

BRAC

Seu criador Fazle Hasan Abed ganhou em 2015 o Prêmio Mundial de Alimentação devido ao reconhecimento da importância do trabalho da ONG em diminuir a pobreza em Bangladesh e demais países. Seu foco principal nos últimos anos tem sido em prol dos direitos humanos e empoderamento social e econômico.

Essas são apenas 5 das principais ONGs que contribuem com ações humanitárias ao redor do mundo. Você conhece alguma que não citamos aqui e que também merece destaque? Compartilhe conosco nos comentários.